MATIAS LARANJEIRA CARTAXO nasceu no Recife (PE), em 7 de dezembro de 2009, e Deus lhe reservou uma forma diferente de começar a vida. Com uma paralisia cerebral, lisencefalia e agenesia de corpo caloso diagnósticadas - fato que acarreta atraso motor e não lhe dá prognóstico clínico de suas possibilidades de andar, falar e de como se desenvolverá sua inteligência - Matias tem tido uma vida bastante agitada e abençoada. Sua rotina semanal inclui sessões de fisioterapia, terapia ocupacional, natação e fonoaudiologia, além de muitos exercícios e estímulos em casa. Mas o pequeno Matias vem surpreendendo a todos com sua personalidade tranquila e alegre, bem como o seu jeito curioso e meigo de ser! Acompanhe um pouco mais da sua linda trajetória de vida e as reflexões de mamãe e papai nesse blog especial !

segunda-feira, 21 de março de 2011

A primeira vez no Sarah

Essa foi nossa primiera visita ao Sarah (hospital federal especializado em neuroreabilitação motora), em Fortaleza. Não vou dizer que tudo foi só alegria... sei da oportunidade que é ter o Matias acompanhado por esta rede especializada, mas conheci outro mundo que quase passava despercebido por mim. Na entrada, estacionamento de todo tipo de cadeira de rodas, pessoas e, principalmente, muitas crianças com necessidades especias... um lugar que a primeira vista me causava dor, tristeza e mil interrogações?? porquê??
O dia foi longo. Tive muito tempo pra pensar, chorar, questionar, sempre amparada por minha mãe, meu esposo e o primo Sérgio (nosso anfitrião). Liguei pra um irmão pra desabafar e suas palavras ajudaram a me tirar do centro e deixar Deus cumprir com seu propósito através da vida de Matias.

Tá bom Deus, já que é assim, vamos lá... estava só nesse momento de reflexão (estavam passeando com Matias de carro com ar bem frio pra ver se ele fazia xixi, no intuito de coletar urina para o último exame do dia). Sentei ao lado de um garoto, que esperava há algum tempo para ser atendido, e disse que queria ouvir um pouco da sua história. Não sei exatamento o que ele tem, as pernas são mais curtas e finas, porém consegue andar de muletas. Ele me disse que tinha todo apoio da familia e me pareceu uma pessoa bem resolvida, isso me animou. Ao final de nossa conversa pedi pra orar por ele, e vou dizer, depois eu é que estava renovada. Dai a pouco chegaram com Matias, ele fez xixi, mas não o suficiente. Então trouxeram suco de melancia e finalmente conseguimos mais mls do que precisavam... ufa!! Toda a tensão tinha ido embora e ao final o Sarah não me parecia mais um lugar de tristesa e dor, mas de ESPERANÇA! (Paula)

Por Émile Cartaxo

Matias
Fruto de um amor verdadeiro
Nascia dia 07 de dezembro de 2009
Meu lindo primo Matias

Ao som dos anjos
e na paz que há em Deus
Ouvia-se um chorinho de criança...
de coração ainda pequeno no tamanho
mas grande na unção
As suas batidas batiam conforme as batidas de papai do céu
e todos ao seu redor festejavam e agradeciam a sua vinda...
vinda tão esperada
vinda tão desejada
vinda de mudanças e transformação

Matias...
menino do sorriso encantador
antes do seu primeiro aninho ja cantava
e a todos com sua graça envolvia
teus olhos brilham uma promessa
tua boca anuncia algo maior
tua vida desde o início é milagre dos céus!
os sonhos que o Pai sonhou pra ti são lindos!

É uma honra ser tua prima!
É uma honra amar você
É uma honra te dar carinho, torcar tua fralda, te ver crescer!
É maravilhoso Matias, cuidar de você!

Ainda que distante
ainda que não possa te ver todos os dias
saiba que tens alguém
que muito te ama,  Matias

video
... comprovando que antes de um aninho ele ja cantava ;)

quinta-feira, 3 de março de 2011

Vamos do começo...


Esse ai é o Matias, eu devia estar no quarto mês de gestação (julho/2009). Pense num baby esperado! No total foram quase dois anos esperando essa bênção. Assim que soube que estava grávida  chamei Matias de milagre, e no dia-a-dia vejo que isto tem se confirmado. Do sexto para o sétimo mês de gestação descobri que Matias tinha agenesia de corpo caloso, que é uma má formação congênita, que pode causar epilepsia, atraso no desenvolvimento psicomotor ou mesmo ser assintomático, esta era minha esperança.
Precisávamos esperar o nascimento para investigarmos a fundo o que acontecia. Então, com um mês de vida Matias fez eletroencefalograma. E aos quase quatro meses se submeteu a uma ressonância magnética, que confirmou o quadro relatado acima. (Paula)