MATIAS LARANJEIRA CARTAXO nasceu no Recife (PE), em 7 de dezembro de 2009, e Deus lhe reservou uma forma diferente de começar a vida. Com uma paralisia cerebral, lisencefalia e agenesia de corpo caloso diagnósticadas - fato que acarreta atraso motor e não lhe dá prognóstico clínico de suas possibilidades de andar, falar e de como se desenvolverá sua inteligência - Matias tem tido uma vida bastante agitada e abençoada. Sua rotina semanal inclui sessões de fisioterapia, terapia ocupacional, natação e fonoaudiologia, além de muitos exercícios e estímulos em casa. Mas o pequeno Matias vem surpreendendo a todos com sua personalidade tranquila e alegre, bem como o seu jeito curioso e meigo de ser! Acompanhe um pouco mais da sua linda trajetória de vida e as reflexões de mamãe e papai nesse blog especial !

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Mat Mat no Chile - Nosso 5º intensivo com Ramon


Oi Pessoal

Ontem retornamos ao Recife. Saimos de Santiago, Chile, mais uma vez com a sensação de dever cumprido. Nessa maratona em busca de um grande sonho, sabemos que percorremos mais alguns “bons metros” indo pra lá. Foi uma semana intensa de fisioterapia CME em Matias, com sessões manhã, tarde e noite. E a resposta dele aos exercícios foi incrível! “Matias avançou no túnel e já começa a enxergar a luz no final. Mas ainda há muito trabalho a fazer”, confidenciou o fisioterapeuta chileno Ramon Cuevas, numa alusão que ele faz ao potencial de Mat para obter uma marcha independente.

Em nossa quinta viagem ao Chile, Ramon fez questão de “dificultar” as atividades em Mat Mat, visando uma melhor e mais madura resposta cerebral. Prova disso foi quando Matias conseguiu realizar um dos cinco exercícios mais difíceis do método, segundo Cuevas. “Matias foi perfeito! Me emociona ver quando as crianças conseguem fazer algo tão difícil. Depois da tormenta vem o prêmio. Me encanta ver isso nos ‘niños’. Me sinto jovem novamente”, comentou um entusiasmado Ramon, de 71 anos, mais de 40 deles dedicados ao CME.

Em Santiago, fazendo o intensivo, além de Matias e sua amiguinha da escola, Marina, crianças do Pará, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, França e Argentina. Famílias que sabem que, como nós, não há métodos milagrosos para nossas crianças, mas um conjunto de esforços, cuidados, amor e tratamentos, que podem trazer uma melhor qualidade de vida a eles. É a nossa luta por pequenos ganhos, como o do Victor, paraense de 2 aninhos, portador de microcefalia, que sentou sozinho pela primeira vez lá, após 8 dias de intensivo CME. Lindo de se ver!

Em outubro já agendamos nossa sexta vinda pra Santiago. Vale a pena o esforço e a mobilização. Com a graça de Deus, continuaremos comemorando vitórias no desenvolvimento de Mat Mat. Ele é persistente, perseverante e dedicado. Merece todo nosso empenho, respeito, entrega e amor. Vamo que vamo!!! A Campanha Inclusão e Atitude III continua... Valeu pessoal! Deus abençoe vocês, que torcem por esse nosso super herói.
 

Um comentário:

  1. Olá, poderia, por favor, me mandar por email mais informações sobre este tratamento intensivo no Chile? Uma base de custos (tratamento, hospedagem, etc...) Quanto tempo ficaram no Chile e algum contato ou site da clínica que vocês conheceram?
    Conto com seu retorno e já agradeço.
    Um abraço,
    Marcelo
    mamsantos@yahoo.com.br

    ResponderExcluir